Curiosidades sobre a Australia – evite gafes

Existem algumas razões para o país ser tão popular entre os brasileiros: além do clima tropical semelhante ao de algumas regiões do Brasil, os australianos são conhecidos por ser um povo hospitaleiro, e as praias favorecem a prática do surfe. Outro atrativo é que a moeda adotada, o dólar australiano, é mais barato que o americano. Mas, antes de fazer as malas, sugiro conhecer algumas características da cultura do país:

Gastronomia

As comidas típicas de um país são uma maneira fascinante de entrar em contato com a sua cultura, e na Australia não poderia ser diferente. Um dos fatos interessantes é que lá o consumo da carne dos cangurus é permitido por lei. Além disso, a costela de porco acompanhada de barbecue é um dos pratos mais apreciados.

Outro destaque é o Vegemite, uma pasta feita da sobra dos tanques de produção de cerveja – encontrada em qualquer supermercado do país. As crianças australianas amam vegemite, a aparência é da  nutella… mas não é! Experimente e me diga o que achou (eu particularmente detestei).

Alcoholfree zones (escrito nas calçadas) NÃO são áreas livres pra beber… e sim locais proibidos para consumo de bebidas alcoólicas. As bebidas com alcool são vendidas somente em Bottle Shops, você não encontrará nos supermercados.

O pão australiano mais tradicional, chamado Damper.

E não podemos esquecer do famoso ‘Fish n’ Chips‘, muito consumido nas beiras de praias.

Multiculturalidade

A cultura australiana foi formada com a participação de muitos povos, e por isso é nítida a influência de imigrantes. Apesar de o inglês ser o idioma oficial do país, a Australia também tem habitantes falantes de outros 260 idiomas e dialetos, incluindo o português. Entre eles estão também italiano, mandarim, árabe, cantonês e grego. Os povos nativos desse continente, os aborígenes, também são responsáveis por deixar como marca uma cultura bastante rica, transmitida até hoje.

Curiosidades

A Austrália utiliza a mão inglesa, então é preciso acostumar-se a dirigir do lado do passageiro e muito cuidado ao atravessar a rua – os carros aparecem do lado oposto :P!

Outra coisa interessante é que todos, ou a maioria, dos sinais de transito na Austrália tem um botão de pedestre nos 4 cantos de uma interseção, como pode-se ver na imagem abaixo. Ao ser pressionado, o botão emite dois sons que parecem de um tiroteio, mas fique calmo, serve para guia de cegos e pessoas com problemas auditivos. O primeiro é para atenção, com beeps lentos e o segundo é para travessia, com beeps rápidos.

sinal

Nos banheiros não há lixos, os papeis são dispensados na privada.

Além disso, como muitos sabem, o país abriga muitas espécies únicas de animais. Isso se deve ao isolamento geográfico do continente, que não faz fronteira com nenhum outro país, como os diabos da tasmania, os coalas, cangurus, walabies, echidnas e o meu preferido (que ter um de estimação) o wombat.

No mundo dos esportes, os australianos são craques no críquete e no rugby. E, para terminar, é importante lembrar que a capital do país é Canberra, e não Sydney, como muitos imaginam.

Vocês cometeram alguma gafe por lá?

Conta pra gente!